Food for thought

Em época de copa do mundo, onde grandes marcas tem a chance de “se aparecer” pra milhões e milhões de pessoas, vale a pena refletir nas práticas trabalhistas adotadas por algumas delas. Até que ponto vale a pena usar os nossos jogadores como “billboards,” e mais, será que todos têm noção do que estão apoiando?!

Dá uma lida nesse artigo do LA Times de ontem – Sobre a visita do Jim Keady, ex-goleiro de futebol americano e ativista, às fabricas da Indonésia que fazem as camisetas de futebol usadas pelos vários times competindo pela taça da Fifa. De acordo com o jornal, a Nike ainda deixa muito a desejar no que diz respeito ao bem-estar dos funcionários das empresas trabalhando pra gigante marca esportiva.

Foto: Reprodução

PS: A legenda da foto me cortou o coração😦

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s